A importância do sono para a saúde

Uma boa noite de sono não pode ser ignorada no que diz respeito a uma vida saudável e feliz. O sono é uma das condições essenciais para atingir o estado completo de bem estar físico e mental. Ele está relacionado com várias funções no organismo como: conservação e manutenção da energia, liberação de hormônio de crescimento, melhora da memória e  aprendizado, além de deixar o corpo e a mente preparados adequadamente para enfrentar com tranqüilidade a rotina de uma jornada de trabalho. O tempo desejável de um sono contínuo e sem perturbações é estimado entre 7 a 8 horas, para que uma pessoa sinta-se bem. Hoje em dia é difícil manter um bom sono, principalmente nos grandes centros, onde fatores como excesso de iluminação, ruídos, alimentação inadequada e em horários muito variados, estresse no trânsito, a insegurança pessoal devido à violência urbana, afetam o tempo e a qualidade do sono. Certas condições como o período pré menstrual e a idade avançada, também podem influir na qualidade e no tempo de sono. No Brasil, um terço da população não tem uma qualidade de sono adequado.

Insônia:

Dificuldade em começar a dormir ou que não consegue manter-se dormindo por muito tempo. Fatores que colaboram para o desenvolvimento da insônia: erros comportamentais, tais como ingestão de cafeína excessivamente, uso de álcool e ou drogas estimulantes, irregularidade no horário de deitar, exercício físico e uso de eletrônicos á noite, ansiedade, estresse e depressão, distúrbios do sono, como apneia do sono, síndrome das pernas inquietas. Como forma de prevenção, é recomendado procurar o médico quando perceber que o sono é de má qualidade.

Atitudes para dormir melhor:

  • Aromaterapia: borrife essência de lavanda no quarto ou use um travesseiro aromático, estimula o relaxamento;
  • Automassagem: faça uma massagem nas mãos por três minutos, com movimentos circulares. Estalar os dedos também ajuda o corpo a relaxar. Outra opção para diminuir a insônia é massagear o lóbulo da orelha, por cinco minutos, usando os dedos indicador e polegar;
  • Respiração: para desacelerar recomenda-se inspire e expire por cinco minutos. A respiração consciente traz relaxamento e paz interior;
  • Florais: o Rescue ajuda a tranquilizar e ajuda a aliviar a tensão.
Dicas:
  • Tenha horários regulares para dormir e acordar;
  • Vá para a cama somente na hora de dormir;
  • Mantenha o quarto escuro, silencioso, organizado e confortável;
  • Não leve problema para acama;
  • Priorize o consumo de alimentos de fácil digestão à noite;
  • Não faça uso de aparelhos eletrônicos, como celular, antes de dormir e de preferência não tenha televisão no quarto;
  • Não faça uso de medicamentos para dormir sem orientação médica;
  • Não faça uso de álcool ou café, determinados chás e refrigerantes próximos ao horário de dormir;
  • Realize atividades repousantes e relaxantes preparatórias para o sono;
  • Seja ativo física e mentalmente.

O médico do sono, neurologistas, pneumologistas, psiquiatras, otorrinolaringologistas,  estão aptos orientá-lo e ajudá-lo a dormir melhor.

Clinomania:

É um distúrbio no qual o indivíduo tem o desejo de permanecer constantemente deitado, dormindo ou não. A doença ainda pode ser confundida com depressão ou fadiga crônica, pelos sintomas que apresenta. O clinomaníaco sente extremo conforto ao permanecer deitado, podendo ficar assim por dias. A doença pode se associar com outros problemas, afetando diversas atividades do corpo e por isso requer acompanhamento médico para seu tratamento. Quem mais sofre com o distúrbio são mulheres na faixa etária dos 20 a 40 anos de idade, devido à alteração hormonal que sofrem mensalmente. Idoso também é um público susceptível a desenvolver a doença. A clinomania vem sem aviso, e a medicina ainda não descobriu como preveni-la. Depois de diagnosticada, há necessidade de recorrer a psicólogos, psiquiatras, neurologistas ou especialistas do sono para tratar o distúrbio. Em alguns pacientes, é necessário administrar medicação.

Add Comment

Olá,

Deixe seu e-mail para receber as melhores informações sobre alimentação, comportamento e saúde.

Parabéns, você se inscreveu com sucesso!