Sete erros contra a pele

Além de ser o maior órgão do corpo humano, a pele é também o tecido que protege todo o restante contra agentes externos. Por isso e não só pela aparência, ela deve ser muito bem tratada. Mas, há alguns erros que quase todo mundo comete na hora de cuidar dela.

Confira sete deles e como corrigi-los:

  1. Achar que precisa de vários produtos para ter uma pele saudável: os cuidados básicos para manter uma pele saudável são: limpeza, hidratação, e proteção solar. Caso seja necessário mais algum cuidado, um dermatologista pode indicar um produto adequado.
  2. Acreditar que beber água trata o ressecamento da pele: manter a hidratação do corpo por ingestão de líquidos é muito importante, mas só isso não vai tratar a pele ressecada. O uso de um hidratante adequado para o tipo de pele é essencial para manter a hidratação.
  3. Não usar produtos com ácido retinóico, pois a substância pode queimar a pele: muitos dos produtos que contém essa substância podem ser usados durante o dia, associados a filtro solar.
  4. Usar protetor só quando está exposto ao sol: muita gente acha que não é preciso usar protetor solar em dias nublados, sem saber que as nuvens bloqueiam apenas 20% dos raios U.V. O uso de protetor é indicado até em ambientes fechados, uma vez que a luz visível também pode trazer danos à pele.
  5. Acne só aparece na adolescência: pode aparecer mesmo na fase adulta. Para tratar o problema, é preciso o uso de produtos específicos, indicados por um dermatologista.
  6. Pensar que apenas com filtro solar já está protegida: a poluição junto aos raios solares, acelera o ciclo de envelhecimento da pele por meio do esgotamento das defesas antioxidantes e danos causados por radicais livres; por isso, a proteção com um antioxidante tópico é tão importante quanto a proteção solar, já que neutraliza a radiação ultravioleta infravermelho e os radicais livres causados.
  7. Acreditar que o excesso de limpeza é ideal para manter a pele saudável, pois todas as bactérias são nocivas para o organismo: Estudos mostraram que a pele é coberta por um conjunto de microorganismos chamados de microbioma cutâneo, que atuam como uma barreira natural contra agressões externas. Casa esse bioma seja desequilibrado ou destruído, podem surgir alergias ou doenças de pele.

Fonte: Revista Weekend.

Olá,

Deixe seu e-mail para receber as melhores informações sobre alimentação, comportamento e saúde.

Parabéns, você se inscreveu com sucesso!